Conferência Nacional sobre Emprego Jovem


Faça aqui a sua inscrição

Siga o link abaixo e acompanhe o evento no Facebook.

INSCRIÇÃO



Programa


O emprego já não é o que era. E será cada vez menos. Ouvir quem está a viver este novo tempo, que quer do emprego, mais do que um salário, ou uma carreira, é o que importa. Pensado para quem está a sair da universidade ou que já chegou recentemente ao mercado de trabalho. Para abrir horizontes e deixar perguntas. Na primeira pessoa, em discurso direto, a experiência de emprego por quem quer dar sentido aos seus dias. Jovens sub-35 contam o que é trabalhar como empreendedor, numa grande instituição, fora do país, ou... por paixão. A não perder.


  • 14h00 >

    O meu emprego é empreender...

    Host: Fernando Mendes -Cowork Lisboa

    Filipa Larangeira -Orangeboom

    Lara Seixo Rodrigues -WOOL – Covilhã Urban Art Festival

    Diana Prata -Instituto de Medicina Molecular

  • 15h00 >

    O meu emprego é no mundo...

    Host: Rui Grilo -Microsoft

    José Marcelo Lourenço -Nomura Bank, UK

    António Santos -Atos

  • 16h00 >

    O meu emprego é uma paixão...

    Host: Maria Minas -COMPARTE

    David Marçal -GPS / Global Portuguese Scientists

    Mário Linhares -Urban Sketchers

    Rita Coelho -Pediatra

  • 17h00 >

    O meu emprego é numa casa grande...

    Host: João Pedro Tavares -Accenture

    Graça Fonseca -Secretária de Estado da Modernização Administrativa

    Luís Lobo Xavier -Fundação Calouste Gulbenkian

    Luísa Ribeiro -Accenture

    Inês Viterbo -Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva & Associados


Oradores Job Talks


Fernando Mendes

É designer e criou o Cowork Lisboa, sendo hoje o seu Chief Error Officer. Nascido em França, mas de alma portuguesa, partilha o seu conhecimento como professor do IADE – Creative University e gosta do tema “stigmergia”. Sempre pronto a conjugar o verbo “dar”, marcou presença, durante muitos anos, como inspirador gráfico da CAIS. Por eles passam, todos os dias, empreendedores de vários cantos do mundo. E não ficam indiferentes à inspiração visionária do FM.

Filipa Larangeira

“Eis senão quando a vida te mostra que não é mesmo nada acerca do destino mas antes sobre a viagem até lá.”, escreveu um dia. Formada em Direito na Católica, com um MBA, no ISCTE, a Filipa assume-se hoje como uma criadora e estratega que traz uma nova perspetiva aos negócios e a vida das pessoas. Baseia-se na sua experiência, intuição e conjunto de competências. Passou por empresas como a Uniplaces, Millennium BCP e Nokia. Publicou recentemente o livro “Queen Be” e dirige o seu próprio projeto Orangeboom. Acima de tudo, é uma apaixonada pela natureza humana e pela sua capacidade de criar, cooperar e evoluir para uma sociedade plena de sentido.

Lara Seixo Rodrigues

Começou na Arquitetura, na Univ. Técnica de Lisboa, mas a sua vida tem-se revelado um mundo de experiências. Hoje é curadora e produtora do WOOL – Covilhã Urban Art Festival, que cofundou em 2011 e que é já uma referência na arte urbana. Lançou também, em 2012, o projeto Lata 65 – Urban Art Workshop for Seniors, para aproximar os menos novos a esta forma de expressão artística, habitualmente associada aos mais jovens. E como se não chegasse, é ainda fundadora e produtora da Mistaker Maker, associação sem fins lucrativos, para o desenvolvimento de projetos culturais e artísticos.

Diana Prata

Interessa-se profissionalmente pelos fundamentos biológicos do comportamento humano. A sua formação de base é a Biologia, a que acrescentou um doutoramento em Neuroimaging Genetics, no King´s College, em Londres. Hoje trabalha como investigadora principal do Instituto de Medicina Molecular, em Lisboa, com uma bolsa Marie Curie de Integração Carreira da UE. Entre os seus interesses como hobbies, está a dança contemporânea e o teatro. Mas a sua experiência de voluntariado é impressionante: India, Timor-Leste, Indonésia são etapas de um empenhamento social e de defesa dos direitos humanos.

Rui Grilo

É um gestor com a paixão pela tecnologia e pela educação. Na sua carreira teve oportunidades de conhecer mundos muito diferentes, desde o Gabinete do Primeiro-Ministro à Portugal Telecom. Hoje está na estrutura europeia da Microsoft como especialista de soluções para educação. É doutorado em Gestão, Mudança Organizacional, pela Universidade de Hertfordshire (UK) e foi uma das almas do Plano Tecnológico. Não perde oportunidade para desenhar, sempre que pode...

José Marcelo Lourenço

Depois de uma vida como atleta de alta competição, a história deste emigrante começou aos 18 anos. Fez a mochila de campismo, pegou no passaporte e apanhou o autocarro para a estação de Santa Apolónia. Na sua primeira viagem e no seu primeiro mês, gastou menos de 350 euros para sobreviver. Foram muitas dormidas no chão de estações de comboios, em camaratas, nos corredores de comboios apertados com passageiros. Passaram outros 18 anos, e este orgulhoso emigrante (que nunca perde um jogo da Selecção Nacional) é agora Executive Director na Wall Street Londrina.

António Santos

António Santos, evangelista de Social Media Business da Atos, líder mundial em serviços digitais e parceiro mundial de TI dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos, classificada como a empresa mais sustentável do seu grupo de industrias no índice Dow Jones. António fornece consultoria digital nos diferentes setores da organização especializando-se em Business Intelligence, Social Business e Social Media Analytics. Ele também é um empreendedor social que co-fundou 3 startups, um dos quais ajudou as crianças a aprender e desenvolver as suas habilidades em TI e Social Media. António ajuda a executar um dos maiores chats de tweet do mundo chamado #AXSChat, focado em acessibilidade, neurodiversidade, diversidade e inclusão digital. Ele acredita que a arte da comunicação começa quando escutamos primeiro e que respeitar os outros por entender as suas lutas e necessidades é o primeiro passo para criar um mundo mais inclusivo no trabalho e fora do trabalho. Pode encontrar António no Twitter como @akwyz.

Maria Minas

Sente-se uma pessoa muito privilegiada por estar rodeada de pessoas inspiradoras e estimulantes e por ter crescido a fazer desporto, a desfrutar o ar livre e a natureza, a fazer voluntariado e muitas viagens. Vem da Psicologia, com passagem por Coimbra e Lisboa, e com um doutoramento em mãos. Hoje trabalha na Fundação Maria Rosa, onde dá vida ao projeto COMPARTE, para que a participação faça a diferença. É uma apaixonada, abraçando causas de serviço ao bem comum e à justiça social.

David Marçal

Doutorado em Bioquímica pela Universidade Nova de Lisboa, em 2008. Fez investigação científica em contexto industrial e académico. Desde 2003 que é autor do Inimigo Público, um suplemento satírico do jornal Público, tendo escrito centenas de textos de humor sobre temas científicos. Escreveu sobre ciência para crianças na revista kulto, uma publicação distribuída com o jornal Público. Em 2006 foi por um curto período jornalista de ciência do Público. Desde 2009 que é coordenador dos Cientistas de Pé, um grupo de 'stand-up comedy' com cientistas. É autor de vários espetáculos de teatro sobre temas científicos, alguns deles inicialmente criados para o Museu da Ciência da Universidade de Coimbra. Escreveu programas de televisão sobre ciência e é autor do livro "Darwin aos tiros e outras histórias" (Gradiva, 2011). Em 2010 venceu o Prémio Químicos Jovens, promovido pela Sociedade Portuguesa de Química e pela Gradiva e o Prémio Ideias Verdes, promovido pela Fundação Luso e pelo Jornal Expresso.

Mário Linhares

Nasceu em Oeiras, vive em Sintra e trabalha em Lisboa. Estudou na Escola António Arroio, depois em Viana do Castelo e a seguir na Faculdade de Belas-Artes da Univ. de Lisboa. É designer, mas o desenho de observação é que pauta toda a sua atividade. Fundou os Urban Sketchers Portugal e é o diretor de educação dos Urban Sketchers. Partilha os seus conhecimentos através de workshops, aulas, retiros e conversas de café. Lidera projetos humanitários desde 1997 e relaciona-os com o desenho desde 2011. Publicou o livro “Diário de Viagem | Costa do Marfim”, premiado em França, e tem participado em diferentes livros, exposições e palestras sobre o tema. É casado e tem um filho. África está no seu coração. Timor está dentro de casa. Viajar, desenhar e aprender são a melhor receita para se poder partilhar.

Rita Coelho

Rita Coelho, actualmente a fazer o Internato de Pediatria, é licenciada pela Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, tem Pós-Graduação em Nutrição Pediátrica pela Boston University School of Medicine, uma Formação Avançada em Transculturalidade e Psicopatologia pelo Instituto Ciências da Saúde da Universidade Católica Portuguesa entre outras formações na área da pediatria. Das suas competências, como elevada capacidade de autonomia, organização e gestão de tarefas, ou o forte sentido de responsabilidade e de trabalho em equipa ou a capacidade de adaptação a diferentes contextos de trabalho, bem como diferentes realidades socioeconómicas e culturais, sobressai a sua sensibilidade para questões sociais e humanitárias, com experiência de vida em comunidade. Recentemente esteve a realizar mais uma das suas inúmeras acções de voluntariado, em Lesbos na Grécia, como voluntária da PAR - Plataforma de Apoio aos Refugiados.

João Pedro Tavares

É engenheiro civil de formação, “nascido” no Técnico, mas hoje é, acima de tudo, um líder empresarial e social. Na Accenture, onde trabalha, é Vice-presidente e responsável pela área de Serviços Financeiros. Mas a sua vida vai muito para além do trabalho. Lidera a ACEGE e o seu entusiasmo com a Junior Achievement Portugal é transbordante, numa permanente promoção do espirito empreendedor junto dos mais novos. “A ética antes de ser empresarial, é pessoal”, disse um dia. Vale a pena conhecê-lo.

Graça Fonseca

É atualmente Secretária de Estado da Modernização Administrativa, onde dinamiza todo o Simplex +, para tornar mais fácil a vida dos cidadãos e das empresas. A sua formação de base é o Direito, na Faculdade de Direito de Lisboa, a que lhe somou mestrado e doutoramento em Sociologia do Direito (ISCTE e FEUC). Ocupou várias funções políticas, quer na Câmara Municipal de Lisboa, quer em vários Governos.

Luis Lobo Xavier

34 anos, casado, 1 filho. Licenciado em Economia e em Direito, respetivamente pelas Faculdades de Economia e de Direito da Universidade Nova de Lisboa. Entre 2007 e 2012 trabalhou na Direcção de Planeamento Energético da EDP, Energias de Portugal, desenvolvendo e coordenando projectos em diversas áreas. Posteriormente trabalhou na área estratégica e técnica do acesso à energia para o desenvolvimento (A2E) da Fundação EDP, e também como consultor e formador em diversas instituições de intervenção e empreendedorismo social. Desde 2014 trabalha na Fundação Calouste Gulbenkian, integrando o Gabinete do Presidente nas áreas estratégicas transversais, no apoio estratégico ao Conselho de Administração, e na coordenação e supervisão de projectos no âmbito da Saúde, Sustentabilidade, Desenvolvimento Humano e Inovação Social. Foi Director e Organizador de vários projectos de voluntariado, e desde 2016 é membro da Direção da ACEGE - Associação Cristã de Empresários e Gestores. A sua grande aspiração a nível profissional é conseguir aplicar as suas capacidades e experiência na promoção do Bem Comum, seja na área do Estado, da Investigação, seja na área Social das Empresas e Instituições.

Luísa Ribeiro

Sente-se permanentemente entusiasmada a encarar novos desafios nos quais possa aprender e contribuir para encontrar novas soluções. Entre as coisas que mais valoriza está o contacto com o outro quer seja em ambientes familiares, a trabalhar em equipas multidisciplinares ou na participação ativa na sua capacitação e desenvolvimento. Apaixonada desde cedo pelo mundo das artes e desenho licenciou-se em Arquitetura e exerceu durante 6 anos em Lisboa, Barcelona, Londres e Abu Dhabi mas foi na área de Consultoria Estratégica, após conclusão do The Lisbon MBA das Universidades Nova e Católica em parceira com o MIT, que encontrou novo rumo profissional e os desafios que atualmente a entusiasmam. Atualmente é Manager na Accenture Strategy Portugal.

Inês Viterbo

Inês Viterbo é do Porto e tem uma Licenciatura em Direito (Faculdade de Direito da Universidade Católica , 2013) e LL.M em Law in a European and Global Context (Católica Global School of Law, Universidade Católica Portuguesa, 2014). Colabora com a Sociedade de Advogados Morais Leitão, Galvão Teles, Soares da Silva e Associados, desde setembro de 2014. Integra a equipa de contencioso e arbitragem, mas também cuida da responsabilidade social. Iniciou a sua colaboração com a Sociedade junto da equipa de comercial e societário. Frequentou estágio no Tribunal Constitucional (2013) e na Autoridade da Concorrência (2014). Fez voluntariado em vários projetos e...a voz que acompanha Miguel Araújo, na "Balada Astral”.